Buscar
  • Igor Kondrasovas

Oxicorte - Apostila técnica


O corte de metais é uma operação utilizada na maioria das indústrias, e pode ser efetuado de diversas formas. Um dos processos mais conhecido é o oxicorte. Neste artigo traremos algumas informações básicas e um link para uma apostila sobre o assunto.

Operações de corte

As operações de corte na matéria-prima pode ser realizado de diversas formas:

Mecanicamente: corte por cisalhamento através de guilhotinas, tesouras, entre outras e o cortes por arrancamento através de serras, usinagem mecânica, etc;

Por fusão: utilizando como fonte de calor um arco elétrico como a goivagem a carco, plasmas;

Reação química: onde o corte se processa através de reações exotérmicas e oxidação do metal como o oxicorte;

Elevada concentração de energia: processos que utilizam a concentração de energia, não importando se a fonte de energia é química ou elétrica. Cortes por jato d'água de elevada pressão, laser e alguns variantes do plasma utilizam este principio.

O Oxicorte

O corte com o Oxicorte, tendo como equipamentos manual, semi-automatico ou mecanizado, é utilizado em estaleiros, construções de estruturas metálicas, siderúrgicas, indústrias metalúrgicas, e muito outros. É utilizado desde o princípio de século passado, por cortar aço com rapidez e com custo relativamente baixo.

O princípio de funcionamento deste processo de corte de metais se dá através da reação de combustão localizada e contínua entre um jato de oxigênio puro, agindo sobre um ponto de metal previamente aquecido, à sua temperatura de queima (ou ignição), por uma chama oxicombustível e o ferro contido neste metais. Esta combustão produz oxido de ferro que junto com uma pequena região circunvizinha do metal não oxidado se funde, sendo arrastada pela ação mecânica do jato de oxigênio de corte, expondo a este jato mais metal para continuidade da reação. A largura estreita e progressiva de metal removido, promove a separação das partes. Esta largura é chama de sangria ou largura do rasgo.

Vantagens do Oxicorte

- Disponibilidade de diversos tipos de gases combustíveis e oxigênio;

- Materiais necessários como maçaricos, reguladores e mangueiras são relativamente baratos se comparados a outros processos de corte, como o plasma ou laser;

- O corte de combustível é de fácil aprendizagem, não possui muitas variáreis e é regulado facilmente.

Desvantagens do Oxicorte

- Não pode ser utilizado para cortar aço inoxidável, níquel, alumínio e suas ligas:

- Materiais periféricos, como cilindros de gás, são pesados e de difícil manuseio, dificultando o acesso a lugares altos, ou postos de trabalhos afastados dos cilindros:

- Atenção aos procedimentos de segurança, pois é necessário a manipulação de gás oxigênio (comburente) e sob alta pressão.

Download da Apostila

Mais informações na apostila fornecida pela Consulsoldas, que foi desenvolvida por Wéllington Nunes de Trindade, neste endereço.

#oxicorte

Posts recentes

Ver tudo

Experimentar Novamente

Você pode se inscrever no Otimize Nesting utilizando seu endereço de e-mail apenas uma única vez. Caso tente fazer uma nova inscrição com um endereço de e-mail já utilizado anteriormente, um erro irá