Buscar
  • Igor Kondrasovas

5S: Produção Enxuta - Parte 2


Os 5S tem tudo a ver com mudanças de produtividade em uma organização. Um lugar para tudo e tudo no seu lugar efetivamente faz diferença no ambiente de trabalho. Esta é a parte 2 da nossa série de artigos sobre produção enxuta.

O termo "5S" deriva de cinco palavras japonesas que começam com a letra "s";

  • Utilização (Seiri)

  • Organização (Seiton)

  • Limpeza (Seisõ)

  • Saúde (Seiketsu)

  • Disciplina (Shitsuke)

Vamos dar um mergulho no significado de cada uma destas palavras logo mais. Para agora, vamos lembrar que elas descrevem um processo de organização no ambiente de trabalho, para que tudo seja fácil de encontrar, fácil de utilizar, fácil de guardar do ponto de vista da produção. Tudo isso parece positivo, certo?

O processo de decisão utilizado para atingir os 5S na fábrica envolve o diálogo com as pessoas afim de se compartilhar o entendimento de como elas fazem seu trabalho.

Vamos começar passando por estas cinco palavras ou frases para ver como podem ser implementadas.

Ordenação(Seiri)

A ordenação é um primeiro passo, porém muito importante, porque minimiza trabalho futuro no próprio 5S. A ideia é remover qualquer item desnecessário e descartá-lo apropriadamente.

Coisas desnecessárias são distrações que ocorrem enquanto você tenta se concentrar no seu trabalho e podem se transformar em obstáculos que bloqueiam a visão ou acesso as coisas importantes.

A fábrica que pratica corretamente o 5S se esforça para evitar o acumulo de itens desnecessárias e está sempre observando por outros itens que podem ser descartados por já não serem mais necessários.

Mas tome cuidado para não ir longe demais. Uma única chave de fenda do tamanho correto para se apertar alguns parafusos pode ser suficiente para ser compartilhada entre alguns trabalhadores. Mas se for melhor que cada estação de trabalho tenha uma chave à mão, é melhor não fazer esta economia. O que seria um desperdício, por exemplo, seria manter próximo chaves de tamanhos que nunca são utilizadas.

Organização (Seiton)

Organizar as coisas significa arranjá-las a fim de criar um espaço de trabalho visual. É possível saber como estão as coisas ao alcance dos olhos. Quadros e painéis com o contorno desenhado de cada ferramenta em destaque mostra imediatamente quais ferramentas estão faltando ou onde guardar estas ferramentas depois de utilizadas.

A boa organização pode ser obtida de diversas formas. Organizações deste tipo não precisam ser caras. Um painel de madeira, um pouco de tinta já traz um bom resultado. Etiquetas e avisos também é parte importante deste processo.

A imagem a seguir mostra um típico painel de ferramentas, com o local de cada ferramenta desenhado, para que você saiba onde cada ferramenta pode ser encontrada e guardada após o uso.

O senso de organização também se preocupa em manter tudo no local mais conveniente para a produção. Deve ser fácil acessar cada ferramenta com a noção de economia e o mínimo possível de movimentação. Geralmente isso se obtém com a descentralização das ferramentas e materiais mais comuns, promovendo o fácil alcance.

A ferramenta geralmente utilizada para se entender onde cada coisa deve estar, é um diagrama simples do chão de fábrica com linhas desenhadas que mostram onde o pessoal precisa se movimentar para fazer o seu trabalho.

Uma folha de papel é suficiente para fazer este diagrama de forma simples e identificar como é possível organizar os equipamentos e as pessoas, eliminando deslocamentos desnecessários.

O senso de organização não é apenas fazer diagramas e diminuir a quantidade de passos. Também envolve "tudo no seu lugar e um lugar para tudo". Também inclui formas de se visualmente identificar o status das ferramentas importantes e recursos.

Limpeza (Seisõ)

Limpeza tem dois conceitos importantes. Primeiro, significa manter o ambiente de trabalho literalmente limpo. Limpe tudo diariamente. O segundo aspecto é a inspeção. Enquanto estiver limpando, procure por problemas com equipamentos, vazamentos, rachaduras, vibrações e tudo que não está funcionando como deveria.

Faça manutenção preventiva. O propósito do senso de limpeza é manter tudo funcionando nas melhores condições, para que quando alguém precisar utilizar alguma coisa, estará pronto para uso. Limpar o local de trabalho cria a oportunidade para realizar inspeções visuais em equipamentos, ferramentas, materiais e fazer qualquer reparo ou melhoria antes de que problemas possam interferir na produção.

Padronização Saúde (Seiketsu)

O senso de padronização está relacionado a documentar o que é preciso para que o time entenda o que deve ser feito. Uma ferramenta bastante comum nesta etapa é o checklist.

Pense em criar checklists para aquilo que precisa acontecer no início e/ou no fim de cada dia para implementar seus procedimentos do 5S. Certifique-se que estes checklists estejam disponíveis em meios resistentes, como pranchetas ou folhas laminadas.

Obviamente, garanta que as pessoas estejam utilizando o checklist e fazendo o que está lá. Estas listas e outros documentos sintetizam as melhores práticas da empresa com respeito ao programa 5S, facilitando o gerenciamento do programa e garantido que existem melhoras contínuas.

Disciplina (Shitsuke)

Disciplina faz com que o programa 5S continue a funcionar. É fácil fazer rápidos progressos quando você inicia um programa 5S. De início, traz mudanças visuais na fabrica, como deve ser. Mas um vez que tudo está organizado e limpo, é fácil relaxar e deixar que velhos hábitos retornem.

Ferramentas acabam sendo abandonadas por alguns. Checklists não são seguidos. Em breve você estará quase igual a situação que se encontrava antes do 5S. Por isso da importância de focar ativamente na disciplina e manutenção das práticas 5S para que você mantenha o alto nível de adesão.

Ferramentas para o 5S

Existe uma série de ferramentas que as empresas podem utilizar para ajudar a manter o 5S no topo:

Checklists: mantenha as pessoas confortáveis ao utilizar os checklists, mesmo que elas pensem que já tem tudo memorizado mentalmente.

Cartazes, faixas, posters e artigos de notícia feitos para manter o 5S na mente das pessoas.

Verificações com o time e a gerência. Trazer periodicamente o programa 5S, enfatizar a necessidade de participação e pedir feedback naquilo que deve ser melhorado.

Revisões de desempenho. Faça do 5S um parte óbvia das avaliações de desempenho, onde as pessoas são avaliadas na sua habilidade de produzir resultados ao programa 5S. Deixe muito claro à equipe o que se espera do 5S e que seus resultados serão inspecionados.

Visita aos departamentos: Pense como inspeções informais. Periodicamente leve todos de um departamento e dê uma volta para ver como o 5S está sendo praticado nos outros locais de empresa. Isto deixa claro que o 5S é um programa sério e traz um grau saudável de competição e comparação.

Por que adotar o 5S?

Existe uma série de pesquisas sobre produção enxuta que sugere que o 5S é a pratica lean mais amplamente adotada e que os proponentes da produção enxuta sugerem este como sendo a primeira iniciativa adotada. Certamente todos gostam de ver a fábrica limpa e organizada. Mas quais são os benefícios tangíveis que uma empresa pode esperar de um programa 5S?

Aqui segue uma pequena lista de alguns benefícios principais obtidos por empresas que adotaram o 5S:

Mais disponibilidade de equipamentos: Manter tudo limpo, bem mantido e organizado leva a uma maior disponibilidade e menor tempo de parada. O sistema de checklist também oferece uma boa base para adição de manutenção preventiva depois que o 5S estiver implementado e funcionando.

Economia de espaço: Uma vez que as coisas estão organizadas para minimizar movimentações, geralmente se percebe que menos espaço é necessário. Livrar-se de equipamentos e materiais desnecessários é uma outra fonte de espaço adicional.

Maior segurança: Eliminar da fábrica itens que atrapalham e obstruem podem ajudar a melhor a segurança do ambiente de trabalho. Manter tudo limpo e com a manutenção em dia traz dividendos de segurança.

Menor taxa de defeitos: Ao eliminar distrações e ao reduzir movimentos, traz menores taxas de defeitos.

Redução de custos: Todos os benefícios anteriores geram redução de custos. Programas 5S não requerem muito investimento e geralmente se pagam no curto prazo.

Melhor iluminação: Manter tudo limpo, brilhante e desbloqueado deixa a fábrica mais iluminada. Acredite ou não, o 5S pode trazer economia de energia elétrica.

Maior agilidade de flexibilidade na produção: Uma fábrica com um alto nível de adoção do 5S pode acelerar a produção e aumentar a flexibilidade. No pior dos casos, o 5S vai reduzir drasticamente o tempo gasto para preparar o próximo trabalho.

Melhora a moral: Quem não prefere trabalhar em um ambiente limpo e organizado?

Mais vendas: Apresentar uma melhor imagem aos clientes e fornecedores traz inevitavelmente maiores chances de fechar vendas.

Parece claro que a partir desta lista existem benefícios considerável para implementar o programa 5S na sua empresa.

Ajude-nos!

Se gostou deste artigo, encaminhe para seus amigos por email, ou clicando nos botões de compartilhamento. Nós realmente ficaremos gratos!

#5s #produçãoenxuta